segunda-feira, 6 de junho de 2011

GE: Energia Solar pode ser uma opção barata em cinco anos

Energia solar vai tornar-se financeiramente acessível dentro de cinco anos
WASHINGTON - A energia solar pode ser mais barata do que a eletricidade gerada por combustíveis fósseis e os reatores nucleares dentro de três a cinco anos por causa das inovações, disse Mark Little, diretor global de pesquisa da General Electric Co.
"Se conseguirmos solar a 15 centavos de dólar por quilowatt-hora ou menos, que eu estou esperançoso de que vamos conseguir, você vai ter um monte de pessoas que vão querer ter solares em casa", disse Little em uma entrevista. A taxa de 2009 EUA média de custo por kilowatt-hora de eletricidade variou de 6,1 centavos em Wyoming para 18,1 centavos em Connecticut, de acordo com a Energy Information Administration.
A GE, com sede em Fairfield, Connecticut, anunciou em abril que havia aumentado a eficiência do thin-film de painéis solares em 12,8%.
Melhorar a eficiência ou a quantidade de luz solar convertida em electricidade, ajudaria a reduzir os custos, sem depender de subsídios.
Os painéis de filme fino serão fabricados em uma planta que a GE pretende abrir em 2013. A empresa disse em abril que a fábrica terá cerca de 400 funcionários e fazer painéis suficiente a cada ano para abastecer cerca de 80 mil casas.
Fabricantes de painéis solares estão evoluindo desde o Arizona até Xangai  e aumentando suas fábricas contribuindo para redução de custos que os analistas dizem que irá sustentar a expansão da indústria. Instalações podem aumentar em até 50% em 2011 propiciando painéis de filme fino mais baratos tornando os desenvolvedores menos dependentes de subsídios do governo, de acordo com a Bloomberg New Energy Finance.
O custo das células solares, o principal componente dos painéis padrão, caiu 21% até agora este ano, e o custo da energia solar está agora alcançando patamares compatíveis à taxa da energia convencional em regiões ensolaradas da Califórnia, Itália e Turquia, informa a empresa de pesquisa de Londres.
A maioria dos painéis solares de silício são baseados em uso de células fotovoltaicas para transformar luz solar em eletricidade. As versões de filme fino, feitas de vidro ou outro material revestido com telureto de cádmio ou índio, de ligas de cobre seleneto de gálio, representam cerca de 15% dos US $ 28 bilhões em vendas mundiais de painéis solares.

.Fonte: Delawareonline.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar!

Às Estrelas


The Most Astounding Fact
O Fato Mais Importante (Legendado)

PET



Medicamentos - Descarte Consciente


Google Street View - Dados cartográficos

A gigante de couro pode atingir dois metros de comprimento e pesar até 750 kg.