sexta-feira, 25 de março de 2011

60 HORA DO PLANETA - WWF

Participe da Hora do Planeta!


Sábado, dia 26 de março, das 20h30 às 21h30. Apague as luzes para ver um mundo melhor.

A Hora do Planeta, conhecida globalmente como Earth Hour, é um ato simbólico no qual todos são convidados a mostrar sua preocupação com o aquecimento global. É uma iniciativa global da Rede WWF para enfrentar as mudanças climáticas.

Durante a Hora do Planeta, pessoas, empresas, comunidades e governo são convidados a apagar suas luzes pelo período de uma hora para mostrar seu apoio ao combate ao aquecimento global. 

Em 2010, a Hora do Planeta foi um sucesso absoluto, com recordes estabelecidos no mundo e no Brasil. Globalmente, 105 nações, 4.211 cidades e 56 capitais nacionais aderiram. Já no Brasil, mais de três mil empresas, 579 organizações, três governos e 98 prefeituras participaram do movimento simbólico de alerta contra o aquecimento global e em favor da conservação de ecossistemas terrestres e aquáticos. 

Junte-se a este movimento! Visite o site www.horadoplaneta.org.br e veja como participar!


Este email foi enviado para thinkfloyd61@gmail.com por no_reply@wwf.org.br 

WWF-Brasil - Av. 9 de Julho, 5593 cj 121, Sao Paulo, 01407200, Brasil

POR GENTILEZA, UTILIZE OS RECURSOS DE SHARE NO ÍCONES PRÓPRIOS DO BLOG.

Unilever tenta mudar mentalidades com campanha Cada Gesto Conta

   Cada Gesto Conta é o slogan da campanha que a Unilever está empreendendo para tentar mudar a mentalidade dos consumidores brasileiros. A iniciativa, que foi lançada em Julho do ano passado, est á centrada em ajudar as pessoas a sentirem-se bem, bonitas e a aproveitar mais a vida.

 A iniciativa Cada Gesto Conta procura também inspirar as pessoas a terem pequenas atitudes diárias
 que, juntas, poderão fazer uma grande diferença em todo o mundo.

De resto, uma das faces mais visíveis da campanha é uma página no Facebook. A página dá dicas sobre sustentabilidade e, mais especificamente, sobre como podemos, individualmente e através dos nossos comportamentos e hábitos, ter um profundo impacto no ambiente.

A página tem ainda links para o relatório de sustentabilidade da mundial, vídeos da campanha, entre outros.

“O tema da sustentabilidade faz parte do dia-a-dia da Unilever. Há 11 anos que a empresa está na lista do índice Dow Jones de sustentabilidade, como a organização que mais se preocupa com o tema, com destaque para a nossa postura ética, transparente e de respeito ao consumidor”, pode ler-se na página.

“Trabalhamos para criar um futuro melhor. Com este mote, a Unilever foca a sua estratégia num modelo de desenvolvimento sustentável, de olho no futuro do nosso Planeta. A prioridade é reduzir o impacto ambiental e ir além, trazendo benefícios tanto para a natureza como para a sociedade”, continua o texto.

Recorde-se que o CEO da Unilever, Paul Polman, tem colocado o tema do desenvolvimento sustentável no centro dos seus discursos. Recentemente, o executivo discursou numa conferência de líderes, nas Nações Unidas, onde reiterou o compromisso da Unilever em prol de uma melhor sustentabilidade.

Pode tornar-se fã da página, que tem já perto de 24 mil seguidores, neste link.

De acordo com Polman, a época do “business as usual” acabou, o mundo está hoje num ponto de mudança e empresas de bens de consumo, como a Unilever, precisam de desenvolver ações imediatas, tanto diretamente como ao ajudar os seus clientes e consumidores.

A Unilever, recorde-se, trabalhando no Sustainable Living Plan, a sua ambiciosa estratégia global para reduzir o impacto das suas actividades no ambiente, procurando melhorar a vida de milhões de pessoas em todo o processo.

Reserva subterrânea, o Aquífero Alter do Chão, sob bacia hidrográfica Amazonas/Solimões poder ser o maior do planeta

Aquífero na Amazônia pode abastecer a população mundial em até 100 vezes


Aquífero está situado sob a bacia hidrográfica dos rios Amazonas e Solimões/Foto: Icrf

Enquanto boa parte do mundo já encontra-se em estado de alerta em razão da falta de água potável, como é o caso da África Subsaariana e alguns países asiáticos, uma reserva subterrânea situada em plena Amazônia pode ser a maior do planeta, graças a um volume de 86 mil quilômetros cúbicos de água doce, o equivalente para abastecer a população mundial (atualmente estimada em sete bilhões) em até 100 vezes.


A reserva em questão é o Aquífero Alter do Chão, que foi alvo de um estudo desenvolvido por pesquisadores da Universidade Federal do Pará (UFPA), cuja publicação foi feita em abril de 2010. Localizado sob os estados do Amazonas, Pará e Amapá, o aquífero tem quase o dobro do volume de água potável que o Aquífero Guarani (com 45 mil km³ de volume), até então considerado o maior do país e que também passa pela Argentina, Paraguai e Uruguai.


"Os estudos que temos são preliminares, mas há indicativos suficientes para dizer que se trata do maior aquífero do mundo, já que está sob a maior bacia hidrográfica do mundo, que é a do Amazonas/Solimões. O que nos resta agora é convencer toda a cadeia científica do que estamos falando", afirmou ao portal G1 Milton Matta, geólogo da UFPA.


O especialista adiantou que o Aquífero Alter do Chão deverá ter o nome mudado por ser homônimo de um dos principais pontos turísticos do Pará, o que costuma provocar enganos sobre a localização da reserva de água. Uma das sugestões é Aquífero Grande Amazônia, em razão de uma "visibilidade comercial mais interessante". Matta tenta concluir a segunda etapa do estudo junto ao patrocínio do Banco Mundial e outros apoiadores científicos.

Ele também destacou a qualidade da água que pode ser explorada no Alter do Chão. "A região amazônica é menos habitada e por isso menos poluente. No Guarani, há um problema sério de flúor, metais pesados e inseticidas usados na agricultura. A formação rochosa é diferente e filtra menos a água da superfície. No Alter do Chão as rochas são mais arenosas, o que permite uma filtragem da recarga de água na reserva subterrânea", comparou Oliveira.


Além do Guarani, que abrange os estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, estendendo-se à Argentina, ao Paraguai e ao Uruguai, e do Alter do Chão, o Brasil também possui outros aquíferos importantes, como é o caso do Urucuia (BA), Serra Grande (PI) e Cabeças (MA).

Às Estrelas


The Most Astounding Fact
O Fato Mais Importante (Legendado)

PET



Medicamentos - Descarte Consciente


Google Street View - Dados cartográficos

A gigante de couro pode atingir dois metros de comprimento e pesar até 750 kg.