quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Editora científica mais antiga do mundo ‘abre tesouro’ na Internet


The Royal Society cria acesso gratuito a 60 mil artigos históricos

Primeiro número da ‘Philosophical Transactions’

A editora britânica The Royal Society disponibiliza online e gratuitamente 60 mil artigos da ‘Philosophical Transactions’, primeira revista científica do mundo que teve colaborações de cientistas como Charles Darwin, Isaac Newton e Stephen Hawking.

Os ‘tesouros’ no arquivo da editora científica com mais de 400 anos são muitos. E entre os milhares de estudos que agora se podem ler encontra-se o primeiro artigo científico de Isaac Newton, o trabalho geológico de Charles Darwin ainda jovem e as experiências de Benjamin Franklin.

Na carta com que apresentou aos leitores o primeiro número da ‘Philosophical Transactions’, o primeiro diretor da revista, Henry Oldenburg escreveu que “não há nada mais necessário para promover os avanços dos assuntos filosóficos do que a comunicação dos mesmos".

Os objetivos da revista passavam por incentivar os cientistas a continuar a investigar e por estimular o conhecimento dos cidadãos britânicos, e de outras partes do mundo, com os avanços da ciência.

Cumprindo esta missão, o diretor alemão Henry Oldenburg foi o primeiro a enviar a especialistas os manuscritos que chegavam à revista para que pudessem ser avaliados antes de serem publicados.

Atualmente, o presidente Paul Nurse da editora The Royal Society que, para além da ‘Philosophical Transactions’ editada ininterruptamente desde 1665, tem outras nove publicações, mantém 'acesos' os objetivos de Henry Oldenburg ao disponibilizar gratuitamente milhares de artigos históricos e ao criar, recentemente, a primeira revista de total acesso gratuito: Open Biology.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar!

Às Estrelas


The Most Astounding Fact
O Fato Mais Importante (Legendado)

PET



Medicamentos - Descarte Consciente


Google Street View - Dados cartográficos

A gigante de couro pode atingir dois metros de comprimento e pesar até 750 kg.