domingo, 10 de julho de 2011

ONU quer revisão imediata de metodologia para usinas a carvão sob o MDL



Em uma nota publicada na quarta-feira,o painel de metodologias do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL) pediu a suspensão imediata e revisão de uma metodologia para usinas a carvão após uma análise revelar que as regras atuais podem levar a milhões de créditos decarbono sem fundamento.

“No caso mais sério, a implementação de um projeto que demanda redução de emissões, de fato, pode ter causado um aumento nas emissões”, declarou o painelde metodologias.As análises do painel sobre a metodologia ACM0013 indicam que ela infla significativamente as emissões de linha de base, permitindo o uso de informações desatualizadas, resultando potencialmente na superestimação das emissões que seriam reduzidas com os projetos.

Estimativas baseadas em dados do relatório “Reduzindo Emissões de Gases doEfeito Estufa: O potencial do carvão” da Agência Internacional de Energia,indicam que com esta metodologia os projetos podem receber uma média de 25% a50% mais créditos do que o devido.O Comitê Executivo do MDL deve decidir sobre a questão na sua próximareunião em 11 de julho. Quatro projetos que utilizaram a metodologia já foram aprovados e 32 estão em processo.Há algum tempo grupos ambientalistas, como o CDM Watch, têm alertado sobreeste ponto. 

“As regras atuais de creditação comparam o desempenho de novas usinas acarvão com plantas que foram construídas até dez anos atrás”, explicou AnjaKollmuss da ONG CDM Watch, completando que o objetivo original da metodologia era recompensar apenas usinas mais eficientes.



 Fonte: Instituto CarbonoBrasil/Agências Internacionais


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar!

Às Estrelas


The Most Astounding Fact
O Fato Mais Importante (Legendado)

PET



Medicamentos - Descarte Consciente


Google Street View - Dados cartográficos

A gigante de couro pode atingir dois metros de comprimento e pesar até 750 kg.