domingo, 29 de maio de 2011

Agrotóxicos - Você sabe o que está comendo?

A segurança alimentar no Brasil realmente é um assunto muito sério e precisamos prestar mais atenção e participar ativamente desse assunto, pois isso diz respeito àquilo que comemos e damos aos nossos filhos.

Estaremos analisando a produção em massa de diversos alimentos que comumente estão à mesa dos brasileiros.

Começaremos hoje analisando a produção de tomate, que utilizamos quase que diariamente na forma de salada ou como molho em nosso “santo” macarrão de domingo.

Nós tivemos acesso aos produtos utilizados pelos agricultores na produção de tomate da região de Goiás. Esse produto na sua grande maioria é enviado para as indústrias na fabricação de molhos e derivados.
Tomamos como exemplo um caminhão de tomates que chega da lavoura diretamente para a indústria.
 Abaixo, demonstramos a quantidade, proporcional ao peso da carga, de cada insumo químico que é utilizado desde o plantio até a colheita: 
Produção Agrícola

TOMATE IN NATURA 
Peso da Carga
19.056,000 kg  
Produtos Utilizados Durante a Produção Insumos e Defensivos Químicos  Quantidade Utilizada   
Semente TOM H9553 SC 151MI
0,762 mil
Acephato / Orthene
0,196 litros
Captan 500 / Orthocide
1,216 kg
Betacyflutrin / Turbo
0,082 litros
Clorpirifos / Klorpan
0,621 litros
Nomolt
0,051 litros
Metribuzin /Sencor
0,208 litros
Muda Tom
2,134 mil
Glifosato /Trop
0,311 litros
Hidroxido de Cobre / Kocide
2,199 kg
Iharaguens
0,154 litros
Paraquat+Diuron / Gramocil
0,130 litros
Procimidone / Sialex
0,377 kg
Fenpropathrin / Danimen Meothrim
0,130 litros
Fluazinam / Frowncide
0,154 litros
Map Reg 105-4 Purificado
2,717 kg
2,4-D
0,208 litros
Acetamiprid /Mospilan
0,015 kg
Thiophanate Menthil / Cercobin 700
0,208 kg
Adubo 04.30.16+Micros
414,000 kg
Semente Tomate Numero 2992
1,326 mil
Tiametoxanilamda-Cialotrina Defensivo Agr
0,103 kg
Cepermetrina/Fastac Defensivo Agr
0,027 kg
Flubendiamide/Belt Defensivo Agr
0,021 kg
Completo Benthiavalicarb Defensivo Agr
0,078 kg
Intrepid Metoxifenozida Defensivo Agr
0,048 kg

Ou seja, para cada carga de tomate in natura que chega para ser processada na indústria, esta vem acompanhada de mais de 25 produtos químicos que foram utilizados em sua lavoura.

Muitos desses produtos químicos utilizados são altamente tóxicos e seus efeitos colaterais sobre o meio ambiente, animais e a saúde das pessoas ainda não foram completamente estudados.

Os produtores e as indústrias irão argumentar que estão dentro da lei e que respeitam as normas e processos de aplicação e uso desses compostos.

Realmente estão cumprindo a lei! Acreditamos nisso.

Porém, o problema vai muito além da legislação, passando pelo uso de produtos cujos efeitos em longo prazo no meio ambiente, animais e pessoas são desconhecidos.

A lavoura de tomate foi apenas um exemplo, porém garantimos que o mesmo processo acontece na esmagadora maioria das culturas agrícolas do Brasil e do mundo.

Qual a saída?

Realmente a produção de alimentos orgânicos no mundo ainda é muito pequena e ineficiente dado ao tamanho do mercado consumidor cada vez mais sedento por alimentos.

Esse fato tem sido a principal justificativa de ruralistas e defensores da agricultura de massa, que segundo eles deveria avançar sobre florestas e áreas livres e fazer o que for preciso para produzir cada vez mais e mais.

Porém, sabemos que o lucro e a ganância por mais lucro, tem sido sempre a mola propulsora do modelo econômico que vivemos, onde tudo se justifica desde que a lucratividade do empreendimento esteja dentro do esperado.

Onde nós vamos parar? Só o tempo dirá.

Fonte: Estudos Realizados na Produção de Tomate no Estado de Goiás.
Equipe @Terrachamando

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar!

Às Estrelas


The Most Astounding Fact
O Fato Mais Importante (Legendado)

PET



Medicamentos - Descarte Consciente


Google Street View - Dados cartográficos

A gigante de couro pode atingir dois metros de comprimento e pesar até 750 kg.