quinta-feira, 2 de junho de 2011

Arquitetos alemães criam estádio flutuante reutilizável.

Será o fim dos elefantes brancos?
 
O ateliê alemão de arquitetura Stadium Concept está prepararando um estádio futurista para o Mundial 2022, que se realizará no Qatar: um estádio flutuante, que pode ser montado e desmontado para grandes eventos desportivos, junto a cidades costeiras.
Este estádio tem com objetivo acabar com os chamados “elefantes brancos” – uma vez que, de acordo com a Stadium Concept, os custos fixos desaparecem.
Tal como o próprio nome indica, a idéia do estádio é construir uma mega-estrutura flutuante que pode ser transportada de país em país, de acordo com o calendário dos eventos desportivos. Assim, evitar-se-iam os brutais encargos financeiros habituais nestas estruturas.
O estádio poderá levar até 65 mil pessoas – a mesma capacidade, por exemplo, do Morumbi, atualmente – e oferece as mesmas condições de conforto e segurança que um estádio top.
Ainda segundo a empresa, o estádio tem todas as condições para ser eco-eficiente, sendo quase auto-suficiente em energia e água, uma vez que produzirá eletricidade através do vento e do sol, e utilizando a água do mar para vários fins, processo conhecido como dessalinização.
Apesar da Stadium Concept estar, sobretudo, elaborando este conceito para o Mundial 2022, a empresa afirma que pode acelerar este processo. Pena é que esta idéia sequer está sendo comentada aqui no Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar!

Às Estrelas


The Most Astounding Fact
O Fato Mais Importante (Legendado)

PET



Medicamentos - Descarte Consciente


Google Street View - Dados cartográficos

A gigante de couro pode atingir dois metros de comprimento e pesar até 750 kg.